Aldo Martinez comenta parecer de relator da reforma trabalhista

17/04/2017 - Trabalhista

Dentre os pontos destacados no parecer do deputado e relator Rogério Marinho está a possibilidade de um empregado com ensino superior e salário acima de 11 mil reais negociar direitos trabalhistas diretamente com a empresa no contrato individual de trabalho. Segundo Aldo Martinez, esse ponto pode ser perigoso, já que o lado mais forte é sempre o empregador.

Para conferir a reportagem na íntegra publicada pelo Valor Econômico, clique aqui.

Voltar